Prêmio Salão Design 2022 soma 562 projetos inscritos

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest

Estudantes e profissionais de 12 países concorrem em cinco desafios de mobiliário

A organização do Prêmio Salão Design já tem os números da edição 2022: são 562 projetos inscritos por participantes de 12 países (Brasil, Argentina, Colômbia, Cuba, Espanha, França, México, Holanda, Peru, Portugal, Reino Unido e Uruguai). Eles concorrem nas categorias estudante e profissional dos desafios Espaços em Transformação; Identidade Brasileira 2022; Uso de Painel; Tecnologia Embutida e Experiências Positivas.

De 9 a 30 de setembro, o primeiro grupo de jurados analisa critérios técnico-funcionais para escolher os finalistas. Neste ano, a comissão é formada por Ana Brum, do Centro Brasil Design (CBD); Diego Farto, da empresa Artetílica; Giulio Palmitessa, professor da Unisinos; Ricardo Dal Piva, do Instituto Senai de Tecnologia de Madeira e Mobiliário e Silvana Carminati Heckman, da Associação Brasileira de Design de Interiores (ABD).

O diretor do Prêmio Salão Design 2022, José Ferro, explica que essa primeira etapa avalia os produtos por sua viabilidade técnica e fabril, além de requisitos ergonômicos. “Os finalistas serão anunciados no dia 11 de outubro, após análises minuciosas de cada projeto. Em janeiro de 2022, os jurados estético-criativos estarão em Bento Gonçalves para avaliar os protótipos presencialmente e escolher os vencedores”, completa.

O OLHAR DOS JURADOS

Giulio Palmitessa: “Minha forma de avaliação é bastante focada em verificar o quanto os participantes conseguem dar harmonia ao projeto, sobretudo, como os conceitos são valorizados ao longo de todo o processo de construção. Avalio se as escolhas de matérias e o processo produtivo escolhido pelo candidato são coerentes”.

Ricardo Dal Piva: “Com mais de 20 anos de experiência na cadeia moveleira, meu olhar na avaliação vai ser bastante técnico. Além disso, também vou buscar identificar a criatividade e o efeito surpresa – claro que fazendo uma comparação com o mercado e se o projeto está funcional para resolver algum problema”.

Diego Farto: “Já transitei por vários segmentos na área do desenho e desenvolvimento de produtos, até que me apaixonei pela construção dos móveis e passei a ser designer. Na avaliação, vou olhar a contextualização, o tema, o segmento, a forma – tudo que faz parte dos dados de entrada do projeto. É preciso entender o conceito, o método, a técnica e como o profissional vai levar isso para um processo produtivo”.

Ana Brum: “Estou há mais de 20 anos trabalhando com gestão de design e umas das minhas principais linhas de atuação é a exportação. Meu olhar na avaliação técnico-funcional do prêmio vai focar muito nos aspectos que mostram o móvel como um todo, sem distanciar os aspectos estéticos dos funcionais. Como ele vai ser utilizado em sua amplitude, como o móvel foi projetado para atender às expectativas do usuário”.

Silvana Carminati Heckman: “Vejo o design como importante ferramenta de diferenciação no mercado. Vou analisar, de acordo com as regras do concurso, se o produto apresentado corresponde e atende ao mercado atual de móveis – além de analisar se suas medidas estão de acordo com as regras da boa ergonomia e do morar brasileiro”.

PREMIAÇÃO

Os vencedores serão conhecidos em fevereiro de 2022 e participarão de duas exposições no mesmo ano: em março, nas feiras conjuntas Fimma e Movelsul Brasil (onde também ocorre a cerimônia de premiação), e em agosto, na Semana de Design de São Paulo.

Permanecem os tradicionais troféus ‘Professor Orientador’ (para o orientador do melhor produto entre os estudantes) e ‘Madeiras Alternativas’ (parceria com o Serviço Florestal Brasileiro para reconhecer o uso de espécies nativas de manejo sustentável). Caso o júri e a equipe técnica do Serviço Florestal considerem algum vencedor para este prêmio especial, a premiação também inclui uma viagem ao laboratório do SFB em Brasília e expedição a áreas amazônicas de manejo sustentável.

SOBRE O PRÊMIO

Realizado pelo Sindicato das Indústrias do Mobiliário de Bento Gonçalves (Sindmóveis) desde 1988, o Prêmio Salão Design já teve mais de 15 mil projetos inscritos e um total de 406 premiados. Com patrocínio de Brasmacol, Berneck e Interprint do Brasil, os prêmios são de R$ 6 mil para estudantes e R$ 10 mil para profissionais em cada uma das cinco categorias, além de menções honrosas que podem ser designadas pelos jurados.

CRONOGRAMA

Julgamento da Primeira Etapa: De 09 a 30 de setembro de 2021

Divulgação dos resultados da Primeira Etapa: 11 de outubro de 2021

Prazo único para entrega dos produtos selecionados: Dias 10, 11 e 12 de janeiro de 2022

Julgamento da Segunda Etapa: 24 e 25 de janeiro de 2022

Divulgação dos vencedores: 01 de fevereiro de 2022

Mostra dos produtos premiados na Movelsul Brasil 2022, que ocorre em conjunto com a Fimma de 14 a 17 de março de 2022.

Cerimônia de premiação: 16 de março de 2022

Mostra dos vencedores na DW! Semana de Design de São Paulo: agosto de 2022 (data a definir)

Compartihe:

Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no pinterest
Pinterest
portrait-of-handsome-male-builder-laughing-infront-Q8N7DXV.jpg
Join our newsletter and get 20% discount
Promotion nulla vitae elit libero a pharetra augue